A fundação de Guaraci deveu-se a desbravadores, que no início do século passado, adquiriram glebas de terras próximas ao Rio Grande, formando assim a população de Cresciúma, que progrediu com as lavouras de trânsito de Minas Gerais para a cidade de Barretos. Vindo de Barretos, o Senhor Francisco Pedro de Oliveira, em meados de 1910, adquiriu de outros, grandes lotes de terras no território do município e logo depois resolveu doar à Prefeitura de Barretos uma parte, onde mais tarde foi construída a Igreja do Senhor Bom Jesus, Padroeiro de Guaraci, para que os colonos residentes, naquele tempo, pudessem construir sem dificuldades suas moradias, bem como aproveitar das boas culturas que predominavam em toda a região. Guaraci, Terra do Sol, anteriormente denominada Patrimônio do Senhor Bom Jesus da Bocaína, foi elevado a Distrito de Paz em 29 de novembro de 1921 e elevado à categoria de vila em 1925, tornando-se Município, pelo Decreto Lei 14.334, em 30 de novembro de 1944.

 

Veja texto disponível em: